Por que devo definir metas ou mudar de hábitos? 7 razões para ficar motivado

Profile picture for user Tipi Editor
Tipi Koivisto
Coach, Founder
Tempo de leitura
4min
Disponível em
EN, DE, FI, PT

A missão de um coach é simplesmente descobrir qual realmente é a meta da pessoa e motivá-la para alcançá-la. Além disso, queremos alcançar a linha de chegada o mais rápido possível. Assim, a nossa função também é encontrar as ações certas a serem tomadas, ou seja, criar um plano. Os melhores resultados são alcançados quando a pessoa se dá conta dos benefícios que a meta lhe trará, o que em Psicologia se chama 'motivação intrínseca'. Eu tenho dito várias vezes que definir e alcançar metas é algo que se aprende, mas às vezes é necessário buscar a motivação lá no fundo de si.

Aqui vão 7 das muitas razões pelas quais você deve definir metas.

1. Aonde você quer chegar na vida?

As metas refletem valores e padrões. Eu nunca vi ninguém definir uma meta como "Começar a Fumar" ou "Tomar mais Cerveja". Se você quer se ver como saudável, ativo, produtivo, cidadão, as suas metas vão refletir essa auto-imagem. Ao progredir, isso reforça os seus valores, e dar-se conta dos seus valores os torna reais.

Quando, ao definir uma meta, você encontra a direção rumo aonde você quer chegar, fica mais difícil escorregar em caminhos desviantes. Definir metas pequenas, saudáveis e realistas alinhadas às suas crenças e valores é um bom caminho para manter-se na estrada do progresso.

2.Aprenda sobre si

Talvez a habilidade mais importante na vida seja saber porque você faz o que você faz. O que lhe motiva?

Os líderes espirituais nos ensinam a escutar os nossos corpos e a voz nas nossas cabeças porque os pensamentos constantes e os diálogos internos nos direcionam. Então, as nossas ações reforçam os nossos pensamentos e vice-versa. Quando você define uma meta e começa a trabalhar para realizá-la, você aprende coisas importantes (e muito interessantes!) sobre si mesmo, como o jogo mental da motivação, sair da zona de conforto e o diálogo interno (de desculpas) sobre porque não agir.

Tem-se mostrado que a Mente Presente ajuda a livrar de vícios e muita gente no mundo todo tem se beneficiado dessa prática. Você já esteve na situação de saber exatamente o que deve ser feito, mas simplesmente não poder começar ou fazer algo totalmente diferente? Se você tem um plano claro para o que você deve fazer (uma meta ou um objetivo), mas as suas ações (comportamento) não levam até lá, você sabe do que eu estou falando. Parar um instante para ouvir a conversa dentro do cérebro pode fazer uma grande diferença na hora de tomar uma atitude.

Maybe the most important skill in life is to know why you do what you do. What makes you tick?

3. Motivar-se

 

Repetido milhões de vezes em qualquer livro de <t0/>definição de metas<t1/>, um plano claro te impulsiona. Quando você tem

  1. Uma meta ou consciência de aonde você quer chegar

  2. Um cronograma ou um prazo

  3. Objetivos e passos claros para chegar lá

você vai ver o progresso e conseguir a motivação para trabalhar para realizá-los.

4. Sinta-se feliz e com sentido

Tem-se verificado que definir metas da maneira correta e progredir aumentam a felicidade. Se você tem uma meta pela qual está apaixonado, ela lhe dá um motivo para levantar todos os dias.

No livro lendário A Mágica de Pensar Grande, uma abordagem é definir uma meta que seja levemente irreal, mas que dê o entusiasmo necessário para fazer pequenos progressos em direção a ela. Mesmo que você não alcance a sua meta exatamente como planejado, você ainda assim caminha na direção do que você quer da vida.

5. Parar de procrastinar

Há dias nos quais você não faz nada? Ou nos quais você parece ser produtivo, mas ser multitarefas na verdade não gera resultados concretos?

Tente definir uma meta e um plano concreto. Veja o que acontece. Já diz o ditado que: "Um bom planejamento é meio caminho andado".

6. Fique e seja saudável

Nós não nos importamos com a saúde até que adoeçamos. Mesmo que a tua meta não seja relacionada diretamente a um estilo de vida saudável, definir uma meta lhe dá a energia positiva que leva à escolha de um estilo de vida saudável.

Além disso, há cada vez mais evidências que demonstram como o estresse afeta a saúde. Uma direção pré-definida na vida mantém ocupado e deixa menos tempo para que floresçam pensamentos negativos - 99,9% dos quais nunca vão acontecer. Hoje em dia temos tantas oportunidades e tentações para escolher que uma das grandes fontes de estresse é não saber para onde ir.

7. Focar e concluir

Seja uma meta consciente ou não, você nunca vai concluir o que quer que seja sem o primeiro passo. Se você vai comer, a sua meta é encher a barriga, mas você não precisa de um plano escrito para isso, já que, por experiência, você sabe como se satisfazer. Se você quer alcançar algo novo, mais complexo e que consome mais tempo - como guardar dinheiro ou mudar de dieta -, você precisa de um plano claro para conseguir.

Uma coisa que todo guru da auto-superação enfatiza nos seus seminários é que você defina uma meta e relembre o seu inconsciente sobre ela o máximo possível. Você pode achar que "essa coisa de inconsciente" é besteira (muitas vezes eu também acho) porque você tem que trabalhar - e muito - mesmo que muitas vezes você não esteja afim, mas definitivamente há algo que o relembra do seu desejo - pelo menos você se lembra quais são as suas metas!

Metas criam hábitos

Não importa quais são as suas metas. Quando você repete as ações que te levam a ela, essas ações viram rotina. Os nossos hábitos definem quem somos e hábitos saudáveis produzem seres humanos saudáveis.

Última atualização em sab, 08/08/2020 - 13:02